Décima Edição

A décima e última edição da Projeto Redação finalmente está online!

Obrigado a todos que nos ajudaram nessa saga…

Download Aqui!

2 comentários

Filed under Uncategorized

[LANÇAMENTO] Nona Edição

Venda Proíbida-Todos os Direitos Reservados. Considerações: Como a revista utiliza um modelo completamente diferente do tradicional o zoom no Adobe Reader deve ser por volta de 70% para impedir a pixealização de algumas imagens.

http://www.4shared.com/document/lZUg-RE3/Projeto_Redao_9.html

 

1 Comentário

Filed under Uncategorized

[LANÇAMENTO] Oitava Edição

Venda Proíbida-Todos os Direitos Reservados. Considerações: Como a revista utiliza um modelo completamente diferente do tradicional o zoom no Adobe Reader deve ser por volta de 70% para impedir a pixealização de algumas imagens.

4shared: http://www.4shared.com/document/IstUiaK6/Projeto_Redao_8.html

Obs: Por alguns erros na finalização o Índice saiu errado, gostaríamos de nos desculpar por eventuais problemas.

3 comentários

Filed under Uncategorized

@projetoredacao

Agora a Projeto tem twitter. Nos siga para saber das novidades, lançamentos, entrevistas e casualidades do site.

http://twitter.com/projetoredacao

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

Enquete: O que querem ver na revista?

Nosso objetivo é sempre agradar você, leitor, e para tanto trazemos mais uma enquete. Dessa vez queremos saber o que você quer ver na revista. Se acharem que qualquer outra coisa possa ser adicionada falem através dos comentários.

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

[LANÇAMENTO] Sétima Edição

Venda Proíbida-Todos os Direitos Reservados.

Considerações: Como a revista utiliza um modelo completamente diferente do tradicional o zoom no Adobe Reader deve ser por volta de 70% para impedir a pixealização de algumas imagens.

Como a conta do Rapidshare expirou estaremos disponibilizando apenas no 4shared, e em breve em outros servidores

http://www.4shared.com/document/JbfCo6RC/Projeto_Redao_7.html

2 comentários

Filed under Uncategorized

Entrevista: Bryan Dias

Olá, pessoal!

Hoje trago para vocês a primeira parte do especial sobre World of Humans: uma entrevista feita com o autor, Bryan Dias.

Projeto Redação: Primeiro parabéns por vencer a enquete

Bryan: Valeu cara.

Projeto Redação: Tipo, o placar foi de arrasa quarteirão, um verdadeiro blockbuster à lá Inception.

Bryan: Obrigado mesmo.

Projeto Redação: Então, de onde veio a ideia para criar o WoH?

Bryan: Então, a ideia surgiu de tanto eu ver filmes com o mesmo gênero da história, de eu ler várias coisas a respeito de alguns fatores que me influenciaram demais para a criação do WOH , como teorias apocalípticas , fatos que estão ligados a sobrevivência humana também. Algo que me influenciou bastante foi a escola, porque lá eu lia textos excelentes , que me davam mais vontade de escrever e treinar , para um dia , criar um livro que possa a vir a ser um “best seller”.

Uma coisa que me influenciou bastante foi o fato de eu sempre, desde quando era pequeno, imaginar como seria o mundo se só eu existisse nele. Esse fato me chamava muita atenção, pois na minha infância, teve momentos que eu pensei nisso cerca de 7 horas sem parar, imaginando como a minha vida seria caso somente eu existisse. É algo para se pensar… Eu acho.

Projeto Redação: Realmente é uma situação interessante

Uma coisa que eu notei é parece haver um certo tom que remete aos filmes do Romero.

Já assistiu algum deles ou é só coincidência?

Bryan: Vou ser sincero, nunca vi nenhum filme do Romero , desculpa , acho que é coincidência…

Dois filmes que eu me inspirei E MUITO para fazer o WOH foi “Eu sou a lenda” (cujo estou lendo o livro agora) e “Resident Evil” que é um clássico, suponho.

Fora isso o que me inspirou e garanto que vai ficar mais visível no decorrer da série foi H.P. Lovecraft (pai do terror), Sthepen King (afilhado do pai do terror) e repudiem ou não, J.K. Rollowing e Stephenie Meyer , pois ainda terão no WOH cenas de romance , ação , terror muito pesado , aventura e de tudo um pouco , foi isso que quis criar no WOH , um ambiente que englobe todos os gêneros em um só, para que agrade todo mundo. Esse é meu objetivo.

Projeto Redação: Lovecraft era realmente muito bom.

Bryan: Ainda é né, tirando o fato de estar morto.

Projeto Redação: Uma pergunta que não quer calar: Todos os protagonistas têm nomes muito comuns, exceto por uma…

Usando as palavras de um dos leitores: “Por que Kimberly?”

Bryan: É, eu imaginava essa pergunta. Então, no começo do WOH , eu namorava uma menina exatamente igual a Kimberly em suas aparências físicas e também psicológicas, devo adicionar. Eu amava muito ela, foi uma pessoa muito importante na minha vida. Ao mostrar para ela, essa personagem estava sem nome, e eu perguntei para ela, que nome eu deveria dar a esta personagem. Ela me disse “Kimberly” (obs, o nome da minha ex-namorada não era Kimberly, foi ela que me falou esse nome aleatório ) e como um jeito de homenageá-la, de deixar uma marca dela em mim, eu deixei esse nome para ela atribuindo as características dela na Kimberly (e até hoje eu lembro dela , toda vez que vou escrever um novo capítulo e a correção de palavras automáticas do Word me avisa que Kimberly está errada , e no caso, “Kibely” também está ) .

Projeto Redação: Nossa.  Eu jurava que era porque você era fã de power rangers.

Bryan: (risos) Eu gostava de power rangers quando era menor, mas não foi por causa disso, não.

Projeto Redação: Isso não me surpreende. Você tem alguma técnica especial que usa para escrever?  Muitos escritores escutam músicas que acham que combinam com a cena, outros desenham, enfim, você faz algo assim?

Bryan: Minha única técnica especial que uso para escrever é a intuição. Eu fecho os olhos e vou digitando, sem precedentes. Me concentro e me fecho no meu mundo do WOH. Quando acabo acho que acabei o capítulo (uma de minhas táticas é sempre acabar com um certo suspense, praticamente todos os capítulos , dando assim uma motivação a mais para o leitor ler o próximo capítulo, no caso a próxima edição ) eu reviso todo ele três vezes, corrigindo alguns erros e tal. Mas sempre tem um erro ou outro. É inevitável. Não sou perfeito.

Projeto Redação: Ninguém é.  Só Chuck Norris.

Bryan: (risos) Também acho. E a Megan Fox.

Projeto Redação: Amém!

Bryan: (risos)

Projeto Redação: Você tem algum personagem favorito no WoH?

Bryan: Para mim eu gosto de todos os personagens, todos eles são como fantoches para mim que eu controle do jeito que eu quero. A Kimberly é uma que tenho mais carinho que os outros pelo motivo que já falei acima, Leonardo e Fernando são nomes de meus amigos Larissa eu acho um nome muito bonito. Já João é o que eu menos gosto. Não sei por que ele me lembra um chefe bobo que faz com que suas vontades sejam impostas aos outros, como se ele fosse o chefão. A Larissa é a segunda que eu menos gosto, pois suas características físicas me lembram uma pessoa que não me agradou na minha vida.

A minha personagem favorita NO MOMENTO é o Thiago, não só por ele ser o principal, mas sim pelo fato de suas características psicológicas serem louváveis a um legítimo herói, e pelo fato de eu parecer um pouco com eles em algumas atitudes. Mas a minha REAL personagem favorita ainda não apareceu no WOH, eu estou terminando de compor ela e quando eu liberá-la creio que não há quem não vá gostar dela. Aguardem mais novidades…

Projeto Redação: Beleza…  O que aconteceu? O que são aquelas criaturas? Quem são vocês? O que aconteceu com o mundo?

Bryan: (risos)

Se eu revelar tudo isso, irei acabar com a graça da minha série. Deixo minha intuição falar para vocês nos últimos capítulos. Com o decorrer dos capítulos vocês vão ver o que realmente aconteceu com tudo, e essas perguntas serão respondidas.

Projeto Redação: Mas pegou a referência, né?

Bryan: Qual?

Projeto Redação: Essa frase é dita no quinto capítulo de WoH.

Bryan: (risos)

Quando Thiago fala com João pela primeira vez. Nossa, como não pude lembrar disso, velho.  Deprimente.

Projeto Redação: Acontece

Projeto Redação: E para a pergunta final…

Onde está Carmem San Diego?

Bryan: Como você não sabe? Carmem San Diego está casada com Wally.Agora eu te pergunto , onde está Wally?

Projeto Redação: (risos)

Bryan: (risos)

Projeto Redação: Obrigado pela entrevista, Bryan.  Nos vemos na próxima edição.

Bryan: Imagina, obrigado eu.

23 comentários

Filed under Uncategorized